VISÃO DOS ACADÊMICOS DE MEDICINA SOBRE OS ADOLESCENTES DA COMUNIDADE: UMA EXPERIÊNCIA DO COLETIVO

  • Cláudia Monteiro Aires de Oliveira
  • Ana Camila Cartacho de Paulo Montenegro
  • Anna Gabryela Medeiros Afonso de Carvalho
  • Weruskha Abrantes Soares Barbosa
  • Carmen Verônica Barbosa Almeida
Palavras-chave: Adolescência, Educação em saúde, Toxicidade de Drogas

Resumo

Esta pesquisa faz parte do Projeto de Extensão Saúde na Comunidade e tem por objetivo refletir sobre a integração da educação e saúde para profissionais e acadêmicos da área de saúde, enfatizando a necessidade de um maior investimento com relação à orientação de jovens e adolescentes acerca de temas como sexualidade e drogas. Para realização do estudo foram realizadas visitas domiciliares no território de abrangência da Unidade de Saúde do Ipiranga, na cidade de João Pessoa-PB, utilizando portfólios de visitas domiciliares direcionados para os pais ou responsáveis de adolescentes visitados. A partir do estudo foi possível observar a necessidade de se articular Unidade de Saúde da Família, escola e familiares abordando temas como a sexualidade e o uso de drogas lícitas e ilícitas, destacando o uso do álcool, desta forma é possível fortalecer a atenção básica e a promoção da saúde, vencendo preconceitos e medos.

Publicado
2013-12-15
Como Citar
Aires de Oliveira, C., de Paulo Montenegro, A., Afonso de Carvalho, A., Barbosa, W. A., & Barbosa Almeida, C. (2013). VISÃO DOS ACADÊMICOS DE MEDICINA SOBRE OS ADOLESCENTES DA COMUNIDADE: UMA EXPERIÊNCIA DO COLETIVO. Revista De Ciências Da Saúde Nova Esperança, 11(3), 57 - 62. https://doi.org/10.17695/revnevol11n3p57 - 62
Seção
Ciências da Saúde/Artigo Original

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##