A PRÁTICA DO EXERCÍCIO FÍSICO PARA MELHORIA DA QUALIDADE DE VIDA E CONTROLE DA HIPERTENSÃO ARTERIAL NA TERCEIRA IDADE

  • Nathalia Palitot Fernandes
  • Camila Regina Medeiros Bezerra
  • Juarez Silvestre Neto
  • Vítor Luciani Medeiros Batista
  • Carolina da Cunha Lima de Mendonça Pedro
Palavras-chave: Qualidade de Vida, Exercício Físico, Hipertensão, Saúde do Idoso, Saúde Pública.

Resumo

A relação entre saúde e atividade física é fundamental para a melhoria da qualidade de vida. Sabe-se que a prática de exercícios regularmente é indicada por diversos profissionais da área de saúde. Nesse contexto, a hipertensão arterial constitui fator de risco para doenças cardiovasculares e o seu controle se faz principalmente por tratamento medicamentoso, embora, entre os pacientes em tratamento, poucos mantenham a pressão arterial (PA) controlada. Objetivou-se a produção científica que trata da prática do exercício físico para a melhoria da qualidade de vida e controle da hipertensão arterial na terceira idade. Trata-se de uma pesquisa de caráter descritivo com abordagem qualitativa, sendo realizada a partir de pesquisa bibliográfica, tendo como universo artigos que abordem a temática “Atividade Física na Terceira Idade” com ênfase na qualidade de vida e controle da Hipertensão Arterial, publicados em periódicos on-line da área de saúde no período de 2002 a 2012, disponibilizados nas bases de dados Scientific Electronic Library Online (SciELO) e Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS). Como critérios de inclusão: artigos na íntegra e textos em português, resultando na identificação de 17 artigos. Os resultados apontam que nos últimos 10 anos, segundo artigos utilizados, pode-se constatar que a hipertensão arterial sistêmica (HAS) é um dos problemas de Saúde Pública que atinge uma alta prevalência em nosso meio. Estima-se que 20% da população adulta do mundo sejam portadoras de hipertensão, sendo responsável por altos índices de morbimortalidade. Há fatores ambientais, comportamentais e genéticos que possuem uma grande participação no desenvolvimento da HAS. Verificou-se com este estudo que a atividade física é responsável pela melhor função do organismo idoso, pois restringe alterações no desempenho físico, consequentes da idade, e mesmo que ele não assegure o prolongamento do tempo de vida, ele garante o aumento do tempo da juventude.

Publicado
2013-12-15
Como Citar
Fernandes, N., Medeiros Bezerra, C., Neto, J., Medeiros Batista, V., & de Mendonça Pedro, C. (2013). A PRÁTICA DO EXERCÍCIO FÍSICO PARA MELHORIA DA QUALIDADE DE VIDA E CONTROLE DA HIPERTENSÃO ARTERIAL NA TERCEIRA IDADE. Revista De Ciências Da Saúde Nova Esperança, 11(3), 63 - 69. https://doi.org/10.17695/revnevol11n3p63 - 69
Seção
Ciências da Saúde/Artigo Original

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##