PERFIL EPIDEMIOLÓGICO DE PACIENTES VÍTIMAS DE QUEIMADURAS EM HOSPITAL DE REFERÊNCIA NA CIDADE DE JOÃO PESSOA NO PERÍODO DE JUNHO DE 2014 À JUNHO DE 2015

  • Bruno Coutinho Machado
  • Fábio Fernandes dos Santos
  • Luíza Alves Monteiro Torreão Villarim
  • Nara Percília da Silva Sena
  • Tiago Lino
Palavras-chave: Queimadura., Epidemiologia., Acidente.

Resumo

As queimaduras são feridas traumáticas causadas, na maioria das vezes, por agentes térmicos, químicos, elétricos ou radioativos. As consequências da queimadura configuram um cenário de marcas físicas e psíquicas que persistem, por muito tempo na vida dos pacientes, comprometendo um andamento saudável no curso de suas vidas. Deve-se salientar que muitos ocorridos, dadas as circunstâncias, poderiam ser evitados. O objetivo é
divulgar o perfil epidemiológico de pacientes queimados, admitidos em um serviço de referência do estado da Paraíba, Hospital de Emergência e
Trauma Senador Humberto Lucena (HETSHL). O estudo traçou um perfil epidemiológico, documental, quantitativo, de forma retrospectiva, através da análise do banco de dados do DATASUS, entre o período de Junho de 2014 a Junho de 2015. As variáveis analisadas foram idade, sexo, região do acidente, óbito, agente causal e internação. Foram constatados 15 óbitos, sendo a maior incidência em crianças e adolescentes em João Pessoa. Das 441 internações, a maioria foi do sexo masculino na faixa etária de 1 a 4 anos e a minoria na faixa etária de 80 anos e mais. Das causas de internação, a maioria foi por contato com líquidos quentes seguida de exposição a fumaça, fogo e chamas. Tais achados ressaltam a importância da
implementação de políticas de cuidados com acidentes dessa natureza. Advertências em utensílios e ambientes de risco devem ser melhor expressos a fim de prevenir danos relacionados às queimaduras. Além disso, para minorar os efeitos danosos e mortes precoces por queimaduras,
deve-se priorizar a utilização racional de antimicrobianos, reposição hídrica controlada e cirurgias precoces, que têm contribuído significativamente no progresso do trabalho, que podem não ser satisfatórios e comprometer de forma significativa e permanente o bem-estar biopsicossocial dos
indivíduos acometidos.

Publicado
2016-12-20
Como Citar
Machado, B., dos Santos, F., Villarim, L. A. M., da Silva Sena, N., & Lino, T. (2016). PERFIL EPIDEMIOLÓGICO DE PACIENTES VÍTIMAS DE QUEIMADURAS EM HOSPITAL DE REFERÊNCIA NA CIDADE DE JOÃO PESSOA NO PERÍODO DE JUNHO DE 2014 À JUNHO DE 2015. Revista De Ciências Da Saúde Nova Esperança, 14(3 - especi), 40-48. https://doi.org/10.17695/revcsnevol14n3 - especip40-48
Seção
Ciências da Saúde/Artigo Original

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##