TRATAMENTO DE LESÕES DE MANCHA BRANCA ATIVA APÓS TRATAMENTO ORTODÔNTICO: RELATO DE CASO CLÍNICO

Palavras-chave: Desmineralização, Flúor, Carie Dentária

Resumo

 

Este trabalho objetivou um relato de caso clínico sobre tratamento de lesões ativas de mancha branca em paciente tratada ortodônticamente. A paciente fazia uso de dentifrício fluoretado Oral B (1450 ppm de F). Após remoção do aparelho, verificou-se presença de manchas brancas ativas nos elementos 11, 12, 15, 21, 22, 24, 33, 34, 35 e 43, com médias de diâmetros cervico-oclusal e médio-distal iniciais de, respectivamente, 5 mm, 4 mm, 2 mm, 3,5 mm, 4 mm, 3 mm, 4 mm, 4 mm, 2 mm, 4 mm. Após orientação de higiene e dieta, 8 sessões de fluorterapia com o verniz fluoretado Duoflorid XII® da FGM (6% de fluoreto de cálcio e 6 % de fluoreto de sódio) com profilaxia prévia usando pasta profilática Shine da Maquira (2000ppm de F), foram observados os elementos 11, 12, 15, 21, 22, 24, 33, 34, 35 e 43, com médias de diâmetros cervico-oclusal e médio-distal finais de 3 de 3,5 mm, 3,5 mm, 2 mm, 3,5 mm, 4 mm, 2 mm, 2 mm, 3,5 mm, 1,5 mm, 3,5 mm. As manchas brancas dos elementos dentários 12 e 22 permaneceram ativas, as demais inativas. Conclui-se que houve remineralização das manchas brancas com redução do diâmetro e/ou atividade das mesmas após 8 sessões de terapia com verniz fluoretado e orientação quanto a higiene e dieta da paciente.

Publicado
2020-08-31
Como Citar
Rodrigues, E., Trindade, E., Azêvedo, F., Teixeira, N., Santos, S., & Soares Ferreira, J. (2020). TRATAMENTO DE LESÕES DE MANCHA BRANCA ATIVA APÓS TRATAMENTO ORTODÔNTICO: RELATO DE CASO CLÍNICO. Revista De Ciências Da Saúde Nova Esperança, 18(2), 143-150. https://doi.org/10.17695/revcsnevol18n2p143-150